Bodysurf Ruma para a Vagueira dia 10 de Julho - Check-in 08h30

A mítica etapa da Praia da Vagueira em Vagos do Campeonato Nacional de Bodysurf open e júnior acontece já neste domingo. Esta etapa é sempre um dos momentos altos do Campeonato proporcionando boas ondas e muito publico, não fosse também o local de dois campeões nacionais, Miguel Rocha – tricampeão nacional e Tiago Mesquita, campeão nacional júnior.


O check-in está marcado par as 08h30 e as baterias já se encontram disponíveis no site em www.bodysurfportugal.com



Este ano a estrutura será montada a sul do Casablanca, onde o banco de areia tem proporcionado boas sessões. Apesar de a previsão indicar que teremos ondas mais pequenas do que o habitual a expetativa é grande.


As baterias já estão disponiveis online.


Com dois vencedores diferentes na duas primeiras etapas deste ano o lugar pelo titulo está em aberto com Miguel Rocha, Rodrigo Carrajola e Diogo Areias nos primeiros três lugares apenas separados por menos de 200 pontos a etapa da Vagueira poderá ser decisiva para definir a luta pelo título.

Nos júniores o Guilherme Santos dominou as duas primeiras etapas e por isso está mais confortável no primeiro lugar, no entanto Tiago Mesquita vai aproveitar o seu conhecimento local para tentar vencer esta etapa.


O Calendário e Locais para 2022:


1ª Etapa - CAPARICA – 7 de maio

2ª Etapa – Praia da Areia Branca- Foz -LOURINHÃ - 19 de junho

3ª Etapa - VAGOS - 10 de julho

4ª Etapa - OCEAN SPIRIT – 23 e 24 julho

5ª Etapa - CASCAIS - 1 ou 2 de outubro



A prova tem a duração de um dia, no entanto são marcadas com uma janela de espera de dois dias, sendo decidido o dia de prova na quarta-feira anterior de modo a garantir as melhores condições para os atletas.



As inscrições estão abertas em www.bodysurfportugal.com






Este campeonato só é possível com o apoio da Câmara Municipal de Almada, do Leblon, da Capitania do Porto de Lisboa, da Camara Municipal da Lourinhã ,do Praia Surf Clube, da Câmara Municipal de Cascais, da Aqua Carca, da Câmara Municipal de Torres Vedras, da Sealand, da Câmara Municipal de Vagos, da Associação de Surfistas de Vagos, do Mare, da Salty e da AHUA, da UCA, da Portugal Natural, da NIXON, da Espumantaria, do restaurante Peixola, do Ferroviário, da Portugal Rent, da Surfrider Foundation Europe Lisboa, dos parceiros

de media MEO Beachcam, da Federação Portuguesa de Surf e da Associação Surf Social Wave que assume a organização deste campeonato mas sobretudo dos bodysurfers que são o maior incentivo para levar este campeonato mais longe.


A Associação Surf Social Wave é uma associação sem fins lucrativos de caracter social e utilidade publica, que atua na área do surf, contribuindo através da prática deste desporto e de todas as valias que o mesmo traz, quer do ponto de vista da capacitação física, quer do ponto de vista da aquisição de competências, para a melhoria de vida de três segmentos da sociedade em situação de exclusão social ou em risco de exclusão. Este é um projeto estruturante e estruturado, que está alavancado nos principais parceiros do surf em Portugal e conta com parceiros institucionais.

Logo BSP 2021 (9).png
Posts Recentes
Arquivo
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Instagram Social Icon